Brasileiro de Rally Baja – Deninho Casarini assume liderança dos UTVs!

Deninho Casarini voou baixo com o Can-Am Maverick Turbo no 2º Rally Baja Jalapão 500.
Fonte: Mundo Press

 

 

Deninho Casarini no Rally Baja Jalapão 2016 a bordo do UTV Can-Am Maverick Turbo Crédito: Doni Castilho/DFotos

Deninho Casarini no Rally Baja Jalapão 2016 a bordo do UTV Can-Am Maverick Turbo Crédito: Doni Castilho/DFotos

O piloto confirmou segundo lugar entre os UTVs e vitória na classe UTV Pro nas etapas válidas pelo Campeonato Brasileiro de Rally Baja. O desempenho foi suficiente para assumir dianteira no ranking dos UTVs na competição nacional. Patrocinado pela Can-Am, o evento foi realizado neste final de semana (2 e 3) no Tocantins, com largada e chegada em Palmas e pernoite em São Félix do Tocantins. As disputas ainda reuniram quadriciclos e motocicletas e somaram pontos para o Brasileiro de Rally Cross Country.

Os desafios imprevisíveis nas areias do Jalapão e as longas distâncias foram o grande diferencial do Rally Baja Jalapão 500. “Foi uma prova maravilhosa e bem organizada. Cheguei muito perto da vitória na classificação geral das etapas do Baja”, contou o paulista Casarini. “Estou com ótimo ritmo e, se tudo der certo, conseguirei este título inédito no final do ano. Mais do que veloz, o Can-Am Maverick Turbo traz consistência na pilotagem, outra grande vantagem”, continuou. Casarini também faz sucesso na água, onde conquistou três títulos mundiais de moto aquática.

Solidariedade – A solidariedade também teve vez no Rally Baja Jalapão 500 com as ações do Ideia Fixa, projeto que conta com a parceria da Can-Am. A equipe de voluntários visitou as crianças do CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados) do conjunto Morada do Vale, em Palmas, na última sexta-feira (1º).

Todas receberam doações, que incluíram livros infantis, revistas, folhas de atividades e kits de higiene bucal e pessoal, entre outros itens, além de muito carinho. O projeto Ideia Fixa tem 14 anos de história e já beneficiou mais de 137 mil pessoas em 16 Estados brasileiros. As doações entregues somam 206 toneladas e 156.800 livros novos e usados.